By

“Podíamos e devíamos ter feito mais, mas o objetivo do clube foi alcançado”

Futebol, Real SC, Seniores

Rescaldo de época com o mister Miguel Valença

Terminada mais uma época da equipa de seniores do Real SC, chegou a altura de ficarmos a conhecer as principais impressões neste primeiro ano da Liga 3. Apesar de ter entrado no comando técnico da equipa já perto do final da primeira fase da prova, Miguel Valença foi um dos principais timoneiros na manutenção do clube neste terceiro escalão do futebol português.

Por isso mesmo, estivemos à conversa com o treinador do Real SC no balanço final de época.

Balanço, análise e sentimentos que ficam desta época

“Agradecer a oportunidade de treinar este grande clube neste época 2020/2021.
Foram 3 meses onde podíamos e devíamos ter feito mais mas o objetivo do clube foi alcançado e isso é sempre o principal!

O balanço é positivo claramente! Na altura que cheguei a equipa estava com algumas lesões em jogadores importantes que aliado ao COVID, nos fragilizou para lutar por outro objetivo mais alto.
Conseguimos depois equilibrar o plantel a nível tático e começamos a preparar a fase de manutenção para começarmos logo da melhor maneira e garantir o objetivo o mais rapidamente possível!
Isso foi alcançado com tranquilidade e com mais qualidade a nível exibicional, porque a equipa estava em crescimento ao nível da ideia que queríamos implementar e que de certa forma mudou relativamente aos meses iniciais! Mas tenho que enaltecer o trabalho de todo o grupo, onde incluo todo o staff que nos acompanhou diariamente, porque só assim conseguimos encarar e trabalhar o dia a dia da melhor forma.

O Real é um clube que pode continuar a crescer e a cimentar o seu nome no panorama nacional! Espero que isso venha a acontecer.”

Maior desafio dos últimos jogos

“Queríamos garantir a manutenção o mais rápido possível! Conseguimos e depois encaramos os últimos jogos com mais tranquilidade.
O maior desafio era não deixar o grupo entrar no facilitismo, porque era uma fase crucial e não podíamos ter nenhum deslize nos primeiros jogos.”

Possível amargo de boca pela não conquista do 1º lugar na fase de manutenção

“Claro que sim!
Queríamos o primeiro lugar e fizemos para o garantir..
No último jogo não tivemos a sorte do nosso lado porque merecíamos a vitória contra o Oriental Dragon. Mas a classificação era só uma “medalha” para o grupo pela época que fez, porque se ficássemos em terceiro também garantíamos o nosso objetivo e isso sempre foi o principal.”

Importância da comunicação do treinador e deste balneário

“A comunicação é uma das principais características de todas as pessoas, e de um treinador tem um relevo ainda maior porque o recetor é todo ele diferente. E saber como é de que forma é uma das chaves que te pode levar ao sucesso.
Sou um treinador pacífico na maior parte das vezes, porque vejo as coisas duma forma mais tranquila e estando tudo alinhado e direcionado para o que queremos os objetivos são mais fáceis de alcançar.

Se é mais valia ou não o que interessa é o caminho que queremos percorrer e como fazê-lo! São as minhas ideias e a minha forma de ser e de estar essa forma tranquila mas focada, e é isso que tento incutir na minha equipa técnica para que depois a mensagem seja bem passada para os jogadores da melhor forma possível e direcionado para o objetivo principal.”

Comments are closed.